sexta-feira, 5 de julho de 2019

PB vai receber R$ 3 milhões para Atenção Básica em 53 cidades



Paraíba vai receber R$ 3 milhões para credenciar 96 novas equipes ou serviços de Atenção Básica Primária, em 53 cidades. O anúncio foi feito pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, na última quarta-feira (03).

De acordo com o Ministério da Saúde, o valor também deve financiar 29 agentes comunitários de Saúde, 16 equipes de saúde da família, além de 12 equipes de saúde bucal e uma equipe de consultório de rua.

O valor também vai ser usado para implantar 15 polos de Academia da Saúde, um grupo de saúde prisional, três centros especializados em Odontologia e 19 laboratórios de próteses dentárias.

Os recursos começam a ser repassados aos estados e municípios a partir do momento em que as novas equipes e serviços credenciados iniciam o atendimento à população. As contratações são feitas pelos gestores locais. Os municípios da Paraíba contemplados não foram informados pela pasta.

De acordo com Mandetta, é preciso reestruturar o Sistema Único de Saúde através dos mecanismos de atenção primária.  “Queremos construir a política de regionalização, junto dos secretários municipais de saúde, dividindo os municípios em distritos sanitários para melhor atender os mais de 200 milhões de brasileiros nos diferentes níveis de atenção: primária, média e alta”, pontuou.

O ministro Mandetta assinou uma portaria para garantir as medidas, e ainda falou que a melhora no atendimento a pulação passa pela atenção primária, que segundo ele é prioridade no governo federal, disse ainda que não ia deixar ninguém para trás  e que iria pedir mais recursos para saúde sempre, mas também iria aumentar a cobrança pelos resultados.

Essa semana ficamos sabendo por redes social que a secretária de saúde Rosilda Carvalho do município de Olho D’água – PB, teve em audiência com o deputado Hugo Mota e com o ministro da saúde Luiz Henrique Mandetta, esperamos que está reunião tenha dado frutos e que a saúde do município possa ser cada vez mais beneficiada. Pois é notório que a saúde no Brasil precisa cada vez mais desses incentivos e que em nossa cidade isso possa acontecer o mesmo.






MaisPB
OlhoD’águaNotíciasPB
Fotos redes socias

Brasil
Paraíba
Deixe seu Comentário

0 comentários: