sábado, 24 de agosto de 2019

Secretaria municipal de saúde e coordenação de vigilância sanitária de Olho D’água realiza capacitação dos comerciantes do município



O Coordenador da Vigilância Sanitária Glaudenberg Lopes de Sousa conhecido pela população como Berguinho foi quem apresentou a palestra. Antes de começar o palestrante agradeceu aos apoiadores presentes na reunião da Atenção Básica representada pela Coordenadora Maria de Deda, o NASF também estava presente com o Coordenador José Alvino e a Diretora Administrativa conhecida por Zilda e o Presidente do Conselho de Saúde, também estavam presentes os Fiscais de Vigilância Sanitária do Município de Olho D'água Arnaldo Junior e Neto Alvino e teve o Diretor da Vigilância Sanitário da cidade de Patos o senhor João Vasconcelos que foi convidado para reunião, ainda a reunião contou com importantes comerciantes do município onde representam um importante destaque na economia municipal a frente do setor terciário.

Na reunião foi feito um breve estudo da história da vigilância sanitária, foi exposto em reunião para os presentes a forma correta de conservar e comercializar os produtos em supermercados, manicures, lanchonetes, bares, restaurantes, salão de beleza, panificadoras, etc. Berguinho pediu aos donos de estabelecimentos para terem cuidados na organização do comercio e manter o ambiente sempre limpo, arejado, organizados por item. Falou de não deixar os produtos ficarem no chão que são responsáveis por muitas doenças digestivas, pois quem compra o produto muitas vezes coloca direto na geladeira desde frutas e enlatados sem fazer a devida limpeza, por isso é necessário que a vigilância sanitária e os comerciantes estejam sempre atentos, o comerciante principalmente pois se houver um descuido pode acontecer uma fiscalização estadual AGEVISA e possivelmente será aplicado as medidas legais e ser fechado o comércio.

O coordenador falou que tudo que foi passado na reunião serve para todos os comerciantes do município e vai ser fiscalizado para combater as práticas que não condiz com a lei e que até mesmo os clientes estão de olho aberto também, falou ainda das constantes infecções existentes na população que poderia estar ocorrendo devido a ingestão de alimentos que são comercializados em bares, restaurantes, sorveterias, lanchonetes, no comercio, e entre muitos outros podendo até levar ao óbito.

Berguinho disse que a partir de segunda-feira das 8h da manhã às 11h e de 13h às 16h na parte da tarde na secretária de saúde e na coordenação de vigilância sanitária os comerciantes já poderiam ir adiantando para fazer para fazer o cadastro  do estabelecimento, tirar seu licenciamento sanitário e alvará sanitário tudo de forma gratuita, esse cadastro é até dia 30 de setembro de 2019.

Esteve ainda presente na reunião o Diretor da Vigilância Sanitário da cidade de Patos o senhor João Vasconcelos que falou que tinha atrasado um pouco devido a ele estar em uma reunião do Ministério Público na Promotoria da Saúde onde muitos assuntos tratados seria a questão da alimentação, falou de publicações em portais de notícias que publicaram ações do Ministério Público Estadual em conjunto com a Vigilância Sanitária e Agencia Estadual de Vigilância Sanitária (AGEVISA). Desta forma ele não estaria ali para fazer medo nem menos ser mensageiro de coisa ruim, mas pelo contrário, falou de prisões em Cajazeiras, Souza e Patos.

O Diretor da Vigilância Sanitária da cidade de Patos citou a mesma como exemplo onde teve um grande estabelecimento que teve prejuízos financeiros. Em relação a Olho d’Água o inspetor elogiou a parte técnica que o município possui, mas queria passar uma mensagem para todos os comerciantes que é tentarem passar um serviço de qualidade para a população porque quanto mais existir qualidade existirá satisfação por parte dos clientes. E essa qualidade não era apenas nos produtos, mas também em educação, atendimento e saber prestar um bom serviço dentro da área de atuação comercial.   

Nosso blog olhodaguanoticiaspb estava presente na reunião acompanhando de perto e lembramos da importância do Agente de Vigilância Sanitária que se encontra na ponta inicial do trabalho, por isso aproveitamos a fala do Diretor da Vigilância Sanitária da cidade de Patos  onde o mesmo lembra que a Vigilância Sanitária é um controle de qualidade gratuita que os comerciantes recebem pois os profissionais vão estar observando tudo baseado na legislação Federal, Estadual e Municipal se houver.    
    









OlhoD’águaNotíciasPB



Brasil
Paraíba
Deixe seu Comentário

0 comentários: